• Home  /
  • Notícias   /
  • Crise dos transportes por aplicativo impulsiona táxi no Brasil
Crise dos transportes por aplicativo impulsiona táxi no Brasil
taxi-min Full view

Crise dos transportes por aplicativo impulsiona táxi no Brasil


Crise dos transportes por aplicativo impulsiona táxi no Brasil

Estudo registrou o aumento na busca por corridas de táxi no Brasil. Os números mostram que a demanda por este serviço aumentou 37% em 2021. 

Impulsionadas não apenas pela retomada das atividades econômicas, sobretudo pelo turismo, mas, também pela crise vivida pelas empresas de transporte por aplicativos, um estudo realizado pelo app Vá de Táxi registrou que a busca por corridas de táxi aumentou em todo o Brasil.

Conforme a pesquisa, seguindo na contramão dos aplicativos de transporte individual privado de passageiros, a demanda de passageiros por serviços de táxi no Brasil aumentou 37% em 2021 e segue em ascensão em 2022.

No período de janeiro a fevereiro houve um crescimento de 15% no número de chamadas recebidas, e de fevereiro a março, um novo aumento: agora de 12%. Ao todo, o número de usuários da Vá de Táxi cresceu 64%.

De acordo com a empresa responsável pela pesquisa, tal realidade levou a Uber a anunciar a ampliação da sua parceria com esses profissionais, e que, até 2025, pretende incluir o maior número possível de taxistas em sua plataforma.

Variação de preço das corridas

A diferença entre os valores das corridas de táxi e dos aplicativos girava, na cidade de São Paulo, em torno de 10%. Atualmente, porém, está em torno de 2%.

De acordo com Glória Miranda, CEO da Vá de Táxi, além da qualidade do serviço, o fato de os táxis terem autorização para circular nos corredores e faixas de ônibus também estaria sendo considerado como vantagem pelos clientes.

“Os aplicativos entraram no mercado de transporte com as tarifas muito baixas, mas, atualmente, elas acabam sendo iguais e sem a segurança do táxi. A expectativa, inclusive, é de que os taxistas sejam ainda mais demandados durante 2022”, analisa a CEO da Vá de Táxi.

Parcerias

Muitos devem se lembrar dos protestos de taxistas em 2014 e 2015 contra os motoristas de aplicativo. O fato é que anos depois, ninguém poderia imaginar que as duas categorias pudessem, um dia, se tornar parceiras no Brasil e no mundo.

A empresa 99, por exemplo, oferece o 99Taxi desde sua criação, em 2012. Inclusive esse foi o primeiro serviço ofertado aos usuários. Já, a parceria criada entre Uber e táxis, que foi criada em Nova York, já circula no Brasil desde meados de 2020, em São Paulo. Foi a segunda cidade da América Latina a lançar o Uber Taxi, a primeira foi Santiago do Chile. A proposta é de que, em breve, ela seja ampliada para todo o Brasil.

De acordo com Andrew Macdonald, vice-presidente de Mobilidade e Operações da Uber, a meta da companhia é ter todos os táxis na plataforma até 2025. Para se ter noção de onde querem chegar, ele explica. “Hoje, táxis e diferentes meios de transporte de ride hailing são – ainda – uma indústria altamente fragmentada de US$ 120 bilhões, com 20 milhões de veículos nas ruas. Para colocar isso em contexto, é mais que o dobro do tamanho do negócio de mobilidade da Uber em 2019. Isso representa quase cinco vezes o número de motoristas parceiros ativos mensalmente”, detalha o vice-presidente de Mobilidade e Operações da Uber.

O executivo ressalta que diante dos protestos por reajustes de tarifa, bem como perda de motoristas parceiros, e queda na qualidade do serviço, como maior tempo de espera, essa é a aposta da Uber.

“Ao olharmos para os próximos cinco anos, acreditamos firmemente que não há mundo em que táxis e Uber existam separadamente. Há muito a ganhar para ambos os lados. E é por isso que temos uma meta muito ambiciosa. Vamos conseguir todos os táxis na plataforma da Uber até 2025”, reforça e finaliza Andrew Macdonald.

 

Fonte: Portal do Trânsito.

Link: https://www.portaldotransito.com.br/noticias/crise-dos-transportes-por-aplicativo-impulsiona-taxi-no-brasil/

O artigo: Crise dos transportes por aplicativo impulsiona táxi no Brasil, também pode ser encontrado no portal: IN Trânsito.

Por In Trânsito

Written by softcia